anunciar tabela de preços enviar notícia
rede social :: login
Coleta de lixo segue normal em São João, mas população deve colaborar
São João da Boa Vista|geral|24/03 14:20|201 visualizações
A realização dos serviços de coleta de lixo orgânico (comum), coleta seletiva e coleta cata treco segue normalmente nos dias e horários pré-estabelecidos em São João da Boa Vista. No entanto, a fim de resguardar a saúde dos coletores e reduzir riscos de contaminação, a população deve colaborar com medidas de segurança.
Segundo o Departamento Municipal de Meio Ambiente, Agricultura e Abastecimento, nos domicílios de pacientes que estiverem em isolamento, tanto casos suspeitos como casos confirmados de infecção do Covid-19, bem como nas residências de pessoas que prestam assistência, os materiais precisam ser ensacados de maneira especial.
Os procedimentos são baseados na Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância Internacional pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em 30 de janeiro de 2020, em razão do surto do novo Coronavírus (COVID-19) e o Decreto Municipal nº 6.389, de 17 de março de 2.020, que Declara Estado de Emergência na Saúde Pública do Município de São João da Boa Vista.
Medidas de proteção
O lixo comum proveniente de banheiros e cozinha deve ser embalado em sacos resistentes e descartáveis, e fechados por lacre, fita adesiva ou nó quando os sacos estiverem com até dois terços da capacidade.
Os sacos devem ser colocados dentro de outros sacos limpos, resistentes e descartáveis, de modo que os resíduos fiquem acondicionados em sacos duplos, bem fechados.
A recomendação é para que os sacos não fiquem pressionados para remoção de ar. Também não é permitido que os resíduos ou sacos usados no seu acondicionamento entrem em contato com animais de estimação.
Caso o paciente resida em condomínio vertical ou horizontal, o síndico ou responsável deve ser informado para que adote as medidas de segurança e higiene necessárias.
Coleta seletiva
Quanto aos resíduos recicláveis, os domicílios que tiverem caso confirmado de COVID-19 não devem encaminhar os materiais para o serviço de coleta seletiva, a fim de não expor os coletores.
Em função do desconhecimento do real tempo de sobrevivência do vírus nesses materiais, é recomendável que os resíduos de coleta seletiva fiquem separados e armazenados por pelo menos 7 (sete) dias a 15 (quinze) dias antes de seu encaminhamento para coleta. 
Resíduos de saúde em resiências que tiverem caso da doença confirmado e onde sejam gerados resíduos perfurocortantes (agulhas, pinças etc.) ou materiais com secreções biológicas, devem acondicionar os resíduos em sacos brancos leitosos devidamente identificados para serem encaminhados de forma adequada ao sistema de Saúde municipal. Objetos perfurocortantes precisam ser armazenados em outros recipientes.
?Confira os dias e horários dos serviços de coleta cata treco e coleta seletiva.?
enviar notíciaenviar informaçõesenviar foto comentar

Comentar usando as Redes Sociais

Comentar esta notícia

comentário

(500 caracteres)

nome completo
cidade