anunciar tabela de preços enviar notícia
rede social :: login
Prosseguem as obras no Centro Cultural Pagu
São João da Boa Vista|geral|03/07 11:10|453 visualizações
As obras para a reforma do Centro Cultural Pagu foram iniciadas no último dia 3 de junho. Segundo o diretor municipal de Cultura, Hélio Fonseca, será feito um aprimoramento da funcionalidade do imóvel. 
A Casa do Artesão voltará a funcionar no seu local de origem. O Centro Cultural Pagu abrigará uma segunda sala de leitura de periódicos, tendo em vista que na Cidade das Artes, na Ceagesp, também haverá um lugar para esse fim, afirma o diretor. As dependências superiores deverão contar com um espaço para um memorial em homenagem à Patrícia Rehder Galvão, além do novo Arquivo Municipal Matildes Rezende Lopes Salomão para a pesquisa de documentos.
Além dos restauros, também será realizado um projeto completo de adequações de acessibilidade. A execução do serviço é supervisionada pelo Departamento Municipal de Planejamento.
Os recursos no valor de R$ 500 mil foram conseguidos em 2017 por meio de emenda parlamentar da então deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), hoje senadora pelo Estado de São Paulo.
Centro Cultural Pagu
Inaugurado em junho de 1989 pelo prefeito Gastão Cardoso Michelazzo, o Centro Cultural Pagu abriga a Casa do Artesão e comportava a Biblioteca Municipal Jaçanã Altair até o segundo semestre do ano passado.
O nome é uma homenagem a Patrícia Rehder Galvão, mais conhecida como Pagu. Ela foi jornalista, escritora, poetisa, militante política, entre outras atribuições, e teve grande destaque no movimento modernista brasileiro.
O imóvel está localizado no centro de São João da Boa Vista, na Rua Benedito Araújo, 44.
enviar notíciaenviar informaçõesenviar foto comentar

Comentar usando as Redes Sociais
03/07 11:59

Eu não sabia que estava reforma o prédio aí e novos

03/07 15:37

Q bom que voltará nesse local, mais adequado!

04/07 19:32

Não irá voltar,vai ser só uma sala de leitura mais nada

04/07 19:35

Não colocaram placa com tempo de execução da obra mas pode colocar aí 3 anos brincando, e ainda vai faltar coisa igual na estação das artes, 3 anos de atraso e esqueceram o segundo corrimão para deficientes nas entradas, isso pq o depto de planejamento fiscaliza a obra , imagina se não fiscalizasse

05/07 11:50

Mas que povo pra reclamar em.

Comentar esta notícia

comentário

(500 caracteres)

nome completo
cidade