anunciar tabela de preços enviar notícia
rede social :: login
Trabalho de nebulização segue em ritmo acelerado em Águas da Prata
São João da Boa Vista|geral|14/03 09:53|168 visualizações
A equipe de controle de vetor da Secretaria de Saúde de Águas da Prata continua a intensificação do trabalho de combate ao aedes aegypti em Águas da Prata.  Além das visitas casa a casa com orientações sobre como eliminar criadouros e o "cata treco" que tem eliminado toneladas de possíveis reservatórios de água parada, agora entrou com a nebulização. "Estamos sendo muito bem recebidos. A população entende a importância deste trabalho e tem colaborado muito com a gente", disse uma das agentes que está fazendo o trabalho de campo.

A ação serve para impedir a disseminação da doença, que é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. O trabalho continua até que as áreas consideradas mais críticas sejam todas cobertas.
A nebulização é feita por servidores públicos, do Controle de Vetor, treinados para esta ação específica. Eles trabalham com todo equipamento de segurança necessário e acompanhados de outros profissionais, também do Controle de Vetor, uniformizados e com crachá de identificação.
O trabalho é feito com nebulizador manual, costal, por ir nas costas do aplicador. Ele tem um motor que impulsiona o vapor/névoa para dentro das residências e em seus arredores, com inseticida, gerada pelo aparelho. Os aparelhos foram todos aferidos pela SUCEN e o veneno também foi fornecido pela Superintendência de Controle de Endemias.
"É sempre bom lembrar que esta é uma batalha de todos nós. Precisamos manter o mosquito longe de qualquer recipiente que possa acumular água. Estamos juntos contra essa ameaça", disse o prefeito Carlos Henrique Dezena.


Marco Antônio - Comunicação
Prefeitura de Águas da Prata

enviar notíciaenviar informaçõesenviar foto comentar

Comentar usando as Redes Sociais
14/03 13:50

O que seria ?ritmo acelerado?? No texto não há dados sobre a quantidade de casas nem da porcentagem do território atendido pelos agentes.

Comentar esta notícia

comentário

(500 caracteres)

nome completo
cidade