anunciar tabela de preços enviar notícia
rede social :: login
Carro capota após colisão na Oscar Janson
São João da Boa Vista|trânsito|16/04 17:15|10260 visualizações
O acidente entre dois carros aconteceu por volta das 17 horas de domingo, 16 de abril, no cruzamento das ruas Oscar Janson e General Osório. Com o choque, um dos carros capotou provocando ferimentos na condutora.
enviar notíciaenviar informaçõesenviar foto comentar

Comentar usando as Redes Sociais
16/04 19:51

Provavelmente, falta de atenção na placa de sinalização, por um dos condutores. Graças a Deus, apenas ferimentos leves.

anonimo
São João da Boa Vista
16/04 22:54

tomara a deus q nao aconteceu nada com os condutore dos veiculos melhoras a eles mas que Sao joao tem um povo ruim de volante , sem nocao de seta indicando pra onde vai virar , uns babacas com carros rebaixados atrapalhando o fluxo do transito e mais em fuscalizacao de condutor no crlular a isso tem muito sabia. Dirijo a anos trabalhei em Sao Paulo,Rio , BH ealgumaa cidades menores de transito como camoinas e outras metropoles la sim se faz o verdadeiro profissional

17/04 18:37

E não aprendeu a escrever direito lá!

16/04 23:02

Quem enxerga aquela placa? Fica a 3 metros de altura. Porque não coloca um semáforo nessa esquina .

17/04 08:11

É só olhar pro chão... E, se você é um motorista razoável, sabe que aquela rua corta uma via principal, no mínimo vai reduzir.

Alberto
São João da Boa Vista
16/04 23:20

Coisa comum em São João! Os maus motoristas são a maioria e assim o são, porque sabem que não é crime causar danos nos carros dos outros e só irão pagar os prejuízos para a outra parte depois de darem um belo baile na vítima, que dependendo do caso, desiste da ação judicial de cobrança. Lamentável!

17/04 08:15

Pra você ver, é mais importante pensar nos danos dos veículos do que a integridade física. Isso sim que é lamentável.

Alberto
São João da Boa Vista - SP
17/04 17:07

Não meu jovem! Lamentável foi isso que você deixou escrito aí em cima! Pois antes de ocorrer danos à integridade física ou psicológica à alguém, vem o dano material e isso não sou eu quem decidi, mas as coisas acontecem assim. O dia em que o cidadão souber que há legislação pesada e punitiva à quem provoca danos ao patrimônio alheio no trânsito, com detenção e fiança e multas bem pesadas, esse indivíduo vai tomar muito cuidado ao dirigir, pisar no acelerador e prestar atenção na maneira de conduzir. Se esse "acidente" ocorresse no japão por exemplo, o condutor do carro que provocou o fato estaria preso em flagrante por dano ao patrimônio privado (carro), dano ao patrimônio público (asfalto raspado, placas de sinalização quebradas) e ainda ao pagamento de danos materiais e morais à vítima, bem como estaria proibido de dirigir enquanto não fizesse um curso de reciclagem e só estaria livre de tal condenação com o pagamento integral de todos os prejuízos causados. Isso, meu jovem, se chama Legislação com L Maiúsculo! Não interessa se foi "só" o bem material, pois você não sabe, jovem, que esse "material" custa muito caro e leva ás famílias o seu salário, o pagamento de suas contas bem como a comida e os remédios para a casa da família! Portanto, caro jovem, a sua resposta é que é lamentável e tanto quanto ao ocorrido que não será o último infelizmente!

17/04 18:39

Não sei que legislação pesada é essa que você fala. Bateram no meu carro. Fomos na justiça. O cara dividiu em 12 e so pagou a primeira. Até hoje não recebi e a justiça nada fez.

Alberto
São João da Boa Vista
18/04 13:39

Não só por não saber e também porque não conhece uma verdadeira legislação, pois no Brasil não há. Esses são os motivos por você ter sido lesado e não ter sido ressarcido dos seus prejuízos. Óbvio, não concorda?

17/04 05:20

É lógico que a culpa é de quem estava sentido general Osório o pare e ali, só se não morar em são João não sabe que ali tem que parar, mas é a mania do acho que dá pra ir e a mania do outro de buzinar ao invés de brecar

17/04 07:13

não foi o primeiro carro que capotou nessa esquina, e não sera o ultimo.

Cansado da ignorância alheia
SJBV
17/04 08:14

Enquanto os motoristas não entenderem que se vive em sociedade,ninguém é dono da rua e você pode machucar os outros, não vai mudar. Cansei de ver gente atravessando preferencial aqui, ciclistas e motociclistas inclusos. Todos suicidas em potencial.

17/04 08:57

Resumo geral....melhor voltar no tempo de andar de pé ou de carroça.....já que o "SER HUMANO" cada dia esta mais apressado....e mais ignorante.....

serumaninho
SJBV
17/04 12:57

O "SER HUMANO" está cada vez mais se tornando um "SER ANIMAL"

Desol
17/04 19:50

O ANIMAL é mais evoluído que o HUMANO

Marido
São João da Boa vista
17/04 12:50

Realmente é triste saber que é mais julgar pois quem dirige acredito que já de uma forma ou de outra errou tb não acredito que uma pessoa saia de casa e diz vou causar um acidente isso foi uma fatalidade minha esposa estava certa mais poderia ser ela que estivesse errado graças a Deus os danos físico foram poucos diante da gravidade do acidente é lastimável ver que o julgamento e a preocupação material para certas pessoas esteja a frente do próximo errar é humano material conquista caráter não.

17/04 13:09

O MAIS IMPORTANTE É QUE SUA ESPOSA ESTA BEM. GRAÇAS A DEUS

17/04 13:41

O que aconteceu? Errou o pedal? Se machucou? Ou tava olhando o celular, distraído? Tem erros que realmente acontecem, uma coisa é bater num carro estacionado, outra coisa é capotar um negócio de meia tonelada num cruzamento perigoso. Se você é motorista, não esqueça que existem pessoas atrás do volante e uma desatenção pode matar. É pra isso que se tira carteira de motorista, mas... aqui é tudo só no papel...

Desol
17/04 19:52

Graças a Deus que está tudo bem com ela, esse povo fala demais mesmo, liga não, o dia de amanhã ninguém sabe.

Dri
São João da boa vista
17/04 18:03

Eu acho que o ser humano perdeu o respeito pelos outros cada um por si nesta graças a Deus nada de grave aconteceu e só andar a pé que vc vê a falta de respeito com os pedestres e com os próprios motorista estão td muito revoltados só sabem chinga brigar a cidade ficou pequena demais para TDs carros e motos

Gilmara Januário Ibelli
Santo André
17/04 21:54

Minha irmã foi chamada de mula e desejaram mal a ela, Ela não é moradora da região mora em Santo André SP região com muitos carros e trânsito. É uma mulher que jamais desejaria ou faria mal a alguém, que Deus possa ter misericórdia daqueles que sem conhecê-la desejaram o mal e que Deus possa abençoar aqueles que demonstraram compaixão .

Gilmara Januário Ibelli
Santo Andre
17/04 22:07

Minha irmã não mora na região ela é de Santo André cidade com muito trânsito e sempre dirigiu muito bem nunca se envolveu em acidentes sendo essa a primeira vez. Jamais desejou mal a alguém é uma mulher muito querida pelas pessoas que a conhecem. Que Deus possa ter misericórdia daqueles que desejaram mal a ela.

18/04 09:46

pode dirigir ate na china mais ver placa num sabe

Bianca
São João
18/04 11:32

Questiono-me sobre os arguntos usados nos comentários deste artigo. Como pode, vocês que comentaram a cima, difamar a imagem de alguém que nem ao menos conhecem? O que justifica esses insultos? Os quais, pela lei impostas pelo site, são proibidos de serem usados no mesmo...

Bianca
São João
18/04 11:36

Vocês estavam lá? Conversaram com os envolvidos? Posso garantir que não, por isso pensem antes de escrever tantas bobagens. Se querem e de fato necessitam expressar suas opiniões sobre a situação, procurem saber melhor do ocorrido, ao invés de tentar explica-lo com seus achismos. Uma das condutoras não era da cidade. Isso não justifica seu erro, mas devemos admitir, o local é propicio a acidentes, tanto que muito outros semelhantes já ocorreram lá antes.

Bianca
São João
18/04 11:42

Analisando a cena drástica do acidente, os danos causados pelo mesmo poderiam ter sido muito piores e respondendo ao senhor Alberto, os danos causados aos veículos já estão sendo supridos. As condutoras estão bem, graças a Deus, e já conversaram entre si junto a seus respectivos maridos, por isso não julgue as atitudes de alguém através de experiências pessoais... nem todas as pessoas são iguais e há muitas pessoas boas no mundo.

Alberto
São João da Boa Vista
18/04 13:54

Ótimo que os prejuízos materiais estão sendo supridos, nada mais que a obrigação da parte ré. E tem mais: Sou paulistano e tenho 84 anos e ainda dirijo e nunca cometi um acidente e a razão é muito simples: Sempre sei onde posso ou não conduzir meu veículo e quando tenho dúvida, abro espaço para quem está atrás, observo e só assim tomo a decisão de seguir marcha. Era assim que éramos ensinados a conduzir veículos. São João da Boa Vista é uma cidade bem sinalizada em muitos de seus locais. É só conduzir devagar, baixar o volume do rádio, esquecer o telefone que você menina, nunca vai cometer a gafe de não respeitar uma preferencial ou mesmo atrapalhar o trânsito de qualquer forma. Você quer tentar justificar o injustificável e portanto, peça então desculpas formais neste portal à vítima pelo erro que cometeu, pague-a o prejuízo causado e vá viver a sua vida, prestando mais atenção nas suas atitudes no trânsito. Ah: O velho aqui sabe também a hora de pendurar a habilitação e começar a se preparar para fazer a passagem. Obrigado.

Comentar esta notícia

comentário

(500 caracteres)

nome completo
cidade